Dinâmicas

O Querigma significa “primeiro anúncio”. É a Boa Noticia do Amor de Deus incondicional, pessoal a cada um de seus filhos e filhas, que se torna concreto na salvação em Jesus CristoDeus amou tanto o mundo que enviou seu Filho Unigênito para que todo aquele que Nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (Jo 3, 16), e no “envio do Espírito Santo aos nosso corações pelo qual clamamos Abba, Pai” (Gl 4,6).
            A este anuncio o Senhor nos faz um convite: “Convertam-se e creiam na Boa Noticia” (Mc 1,15) e espera a nossa resposta, isto é a nossa adesão que, assim como o anúncio e ao convite é pessoal aceitando Jesus como nosso Único Salvador e Senhor.
            O mais importante é o testemunho, mas as dinâmicas que se seguem podem ajudar na catequese ou outros momentos.

QUERIGMA EM DINÂMICAS

QUERIGMA COMPLETO

1- OS CORAÇÕES

Fichas que saem dos corações:

Amor de Deus- Coração dourado-cor amarela
Faz o homem sentir-se amado.
Faz o homem sentir-se aceito
Faz o homem sentir-se compreendido
Sem medo de todo coração – com toda força- com toda alma

Pecado- Coração das trevas-cor preta
Filhos das trevas- desobediência- rebeldia-independência de Deus (viver como se Deus não existisse)
Rompe com Deus-vencido- escravo- condenado-morto
Rompe consigo- rejeição- medo-mal uso do corpo
Rompe com o outro- desconfiança- isolamento-medo- rancoroso

Salvação-Coração do Sangue de Jesus- cor vermelha
Filho de Deus- co-criador (construtor do reino)- servo de Deus- Reata com Deus-vencedor (posso não mais pecar)- livre (para fazer a vontade de Deus salvo lavado pelo Sangue do Cordeiro, irmão de Jesus)- redimido (herdeiro do céu) –Reata consigo- amado- perdoado- corajoso-casto- reata com o outro- confiança- caridade-prontidão para perdoar.

Fé e conversão- Coração da Esperança-cor verde
Fé é: Obedecer (como Abraão)- depender (como Moisés)- confiar (como Maria)- tomar posse da salvação (meio pelo qual a salvação chega até você)
Converter é: troca de direção (inferno-céu)- mudança de caminho (do meu jeito de ser para jeito de Deus); de verdade (o que eu acho para o que Deus quer) e de vida (para mim para o irmão) renunciar (para dirigir-se pelos valores do Evangelho).

Espírito santo –Coração da paz- cor branca
Para o relacionamento com Deus:
Amor- fidelidade- alegria- paz- felicidade;
Para o relacionamento conosco mesmo:
Temperança (autodomínio) mansidão, alegria, paz;
Para o relacionamento com o outro:
Caridade-delicadeza (benignidade) bondade-paciência - (longanimidade)

Comunidade- Manto de Maria- cor azul
Modelo: Pai, Filho e Espírito Santo
Objetivo: santificação
Forma: Corpo (unidade e não uniformidade)
Por: Cristo
No: Espírito
Rumo: a casa do Pai
Características: Assíduos à fração do Pão
                          Assíduos à comunhão fraterna
                          Assíduos ás orações
                          Assíduos ao ensinamento dos apóstolos
(sairão dos corações as fichas com escrito só o que estiver sublinhado).
(fonte: Querigma Talita Cumi)

(A)    AMARELINHA

Tema: Querigma

Material: Giz ou pedra para riscar o chão (quadro de 40 cm x 30 cm)
Objetivo: Cumprir todo o trajeto primeiro
REGRAS:
1-Riscar no chão o desenho das amarelinhas. No lugar dos números colocar os símbolos de cada tema querigmático
·         Amor de Deus - o sol
·         Pecado - a serpente
·         Salvação - a cruz
·         Fé e conversão - a vela
·         Espírito Santo - a pombinha
·         Comunidade - o peixe e Maria
Desenhar a terra e o céu
2-Cada participante irá jogando uma pedra de casa em casa. Na casa que deixar cair a pedra não pode pisar.
3-Pulando num pé só nas casas sozinhas e com dois pés nas casas juntas até chegar ao céu.
4-Apanhar a pedrinha só na volta.
5-A casa do pecado deve ser evitada. Quem errar passa a vez para o outro e reinicia onde parou. Ganha quem completar o percurso sem pisar na linha.
PREGAÇÃO
Todo o Querigma (Amor de Deus, Pecado, Salvação, Fé e Conversão, Espírito Santo- Comunidade)

(B)  BOLICHE

Tema: Querigma

Material: garrafas de plástico ou rolo de papel higiênico vazio nas cores do Querigma (amarelo,preto,vermelho,verde,branco e azul)  e uma bola
Objetivo: derrubar maior número de objetos escolhido para a mesma.
REGRAS
1-Seguindo a ordem sorteada, ir jogando a bola nos objetos.
2-À cor derrubada o participante deverá falar deste tema para os colegas. Ex:

Amarelo: Deus ama você
Preto: O pecado nos impede de sentir o amor de Deus.
Vermelho: Jesus é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.
Verde: Quem crer e for batizado será salvo.
Branco: E recebereis o Espírito Santo
Azul: Devemos viver em comunidade e anunciar a todos: Deus ama você

3 - Ganha pontos conforme o numero de garrafas derrubadas e explicadas as cores.

4-Vence a equipe ou o participante que obtiver o maior numero de pontos.

PREGAÇÃO
Saber que o Querigma é condição para converter ou não o irmão. A diferença está em onde passar a eternidade.

POR TEMAS

1º TEMA: AMOR DE DEUS

A)     LENÇO ATRÁS

Tema: O amor de Deus está sempre batendo à nossa porta (Ap 3,20). É preciso estarmos atentos e vigilantes (Mt 26,41)
Material: Um lenço e local amplo
Objetivo: Tomar o lugar do outro na roda
REGRAS
1-Todos em círculo voltados para o centro.
2-Um circulando do lado de fora da roda com um lenço, até deixá-lo atrás de alguém.
3-Este deverá pegar o lenço no chão e tentar pegar quem colocou antes que ele alcance seu lugar.
4-Se for apanhado vai para o “choco” (dentro da roda)
5-Quando for colocado o lenço atrás de um distraído quem está no “choco” poderá pegá-lo e este irá para o “choco” no seu lugar.
6-Termina quando acabar o interesse dos participantes.

PREGAÇÃO
Jesus quer nos dar a paz. A correria do mundo nos faz deixar as coisas de Deus. A vigilância nos faz ficar atentos ao que acontece à nossa volta. O amo de Deus se manifesta.

B)    VOCÊ ME AMA?

Palavra de Deus: Pedro, tu me amas?”(Jo 21,17) / “Deus nos amou primeiro” (I Jo 4,19)
Idade: acima de 9 anos
Material: numero de cadeiras igual ao dos participantes menos uma.
Objetivo: saber que o amor de Deus é incondicional e não depende de nossas qualidades.
Dinâmica:
1-Todos assentados em circulo menos um (vamos chamá-lo “A”) que ficará no centro da roda;
2-(A) escolhe um do grupo (vamos chamá-lo “B”) para dialogar:
(A) pergunta: ”Você me ama”?
(B) deve responder: “Sim”
(A) continua: “Por quê?”
(B) responde: “Porque você...” e cita uma característica de (A). (ex: porque você está de tênis, ou porque você tem cabelo comprido, ou porque você é bom (a) aluno (a), etc.)
3-Nesta hora todos os que tiverem a característica trocam de imediatamente de lugar e quem está em pé se assenta.
4-um ficará sem lugar para assentar, este escolherá outra pessoa do grupo para fazer o mesmo diálogo e a continua a recreação.
5-se alguém se enganar (ex. estiver de sandálias e trocar de lugar quando falarem do tênis), este ficará no centro no lugar de quem ficou sem cadeira e continua a recreação.
6-termina quando cessar o interesse.
Final: Refletir: “muitas vezes escolhemos gostar ou não das pessoas por vários motivos. Com Deus é diferente. O Amor de Deus é incondicional, porque Ele é amor. Vamos ler e partilhar a Palavra de Deus?   
Atividade:
ORAÇÃO ESCRITA
1º passo: colocar uma musica suave;
2º passo: mostrar uma gravura bem bonita de Jesus;
3º passo: pedir que sem tirar os olhos de Jesus dizer o que estão vendo;
4º passo: ainda sem tirar os olhos de Jesus dizer o que sentem;
5º passo: dizer: Jesus perguntou para Pedro: Pedro você me ama?
6º passo: em uma folha de papel cada um copiará a pergunta que Jesus fez para Pedro colocando seu nome no lugar do nome de Pedro;
7º passo: agora escreva uma carta respondendo a pergunta de Jesus;
8º passo: agradecer a Jesus por Ele nos amar primeiro. 

C)    GESTO DE AMOR

Palavra de Deus: “Nisto conhecemos o amor, Jesus deu a vida por nós” (I Jo 3,16)
Idade ideal: acima de 10 anos
Material: lápis e papel
Objetivo: saber qual o maior gesto de amor
Dinâmica:
1-Todos em circulo;
2- O animador dirá: “cada criança se apresentará dizendo seu nome fazendo um gesto que o identifique (ex: fazer o gesto de um coração, pular, dar uma volta, etc.). Em seguida, todo o grupo deverá ao mesmo tempo repetir o nome do colega imitando seu gesto. Não pode repetir gestos já feitos”.
3-Assim todos se apresentam, ao terminar o animador irá repetir cada gesto feito e pedir que digam o nome correspondente.
4-Refletir: Não conseguimos gravar os nomes e os gestos dos participantes do grupo, mas qual gesto chamou mais atenção? Qual foi o mais engraçado? Qual demonstrou mais amor?”(esperar
que respondam)
 Final: Em toda a história da humanidade qual o maior gesto de amor? (aceitar todas as respostas perguntando: Alguém sabe de outro gesto de amor maior que estes?). A maior prova de Amor está em I Jo 3,16. Ler e partilhar a Palavra de Deus.
Atividade:
PAINEL ILUSTRADO
Vamos fazer um painel de desenhos. Num papel copie o texto da Palavra de Deus que foi lido, ilustre com um desenho bem bonito e coloque um titulo. Depois é só pendurar no painel.
Chame todos para ver.

2º TEMA: PECADO

(A) CORRIDA DE RÉ
Tema: o pecado nos afasta de Deus (Is 59,1-2; Lc 15,13-20)
Material: Local amplo com linha de saída e chegada
Objetivo: atravessar primeiro a linha de chegada
REGRAS
1-Dada a partida todos saem correndo em direção à chegada, correndo de costas sem poder olhar para trás.
2-Volta à linha de partida quem atrapalhar o caminho do outro.
Ganha quem chegar primeiro.
PREGAÇÃO
O pecado nos faz sentir estar ganhando alguma coisa, mas na verdade nos impede de seguir o caminho que nos leva adiante, para a frente, em direção ao nosso lar eterno.

(B) BRIGA DE GALO

Palavra de Deus: Pois o nosso combate não é contra o sangue e a carne, mas contra o mal” (Ef 6,12)
Idade ideal: acima de 7 anos
Material: fazer duas placas e escrever em uma “BRIGA” e na outra “DE GALO”; dois pregadores de roupa.
Objetivo: tomar consciência que o mal deve ser sempre combatido amando as pessoas.
Dinâmica:
1-O animador pede que duas crianças se apresentem para uma recreação.
2-o animador coloca a placa “BRIGA” nas costas da primeira criança e “DE GALO” nas costas da outras, sem deixar que eles vejam o que está escrito nas placas;
3-o animador irá dizer: “Pulando num é vocês irão tentar ler o que está escrito nas costas do outro, e quem conseguir será o vencedor”
4-dado o sinal os dois participantes deverão tentar ler o que está escrito nas costas do outro e, ao mesmo tempo, impedir que o outro leia o que está escrito nas suas costas, pulando em um pé só.
5-termina quando um dos participantes consegue ler a placa do outro.
6-Refletir: Esta brincadeira parece uma briga de galo? Por quê?
   O pecado parece uma briga de galo? Por quê?
Final: Ler e partilhar a Palavra de Deus e refletir: Qual a diferença entre lutar contra o mal e lutar contra as pessoas? Se Deus nos manda amar as pessoas como posso lutar contra o mal sem deixar de amar as pessoas? Esta é a virtude da CARIDADE.

Atividade:
VIRTUDE DA CARIDADE
1º passo: dividir as crianças em pequenos grupos.
2º passo: cada grupo irá refletir: ”Deus ama o pecador, mas não ama o pecado e é o maior aliado co pecador no combate ao pecado”
3º passo: cada grupo irá criar uma história com o titulo: A CARIDADE, mostrando como através do amor se vence todo o mal. (Ex: quando ouço uma mentira o que devo fazer para amar o mentiroso e lutar contra a mentira? Como amar o alcoólico e lutar contra o alcoolismo?)
4º passo: dramatizar a história
5º passo: apresentar em forma de teatro.
6º passo: debater se nas histórias houve caridade ou não

(C)  A ÁRVORE DO MAL

Palavra de Deus: “E Deus deu ao homem este mandamento: Podem comer de todas as árvores do jardim. Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal não comerás, porque no dia em que dela comeres tua morte estará marcada” (Gn 2,16-17) e “Não há no exterior do homem que, penetrando nele, o possa tornar impuro, mas o que sai do homem, isso é que o torna impuro (Mc 7,15)
Idade: acima de sete anos
Material: Bíblia, tesoura, cola, revistas em quadrinho, uma árvore seca e várias maçãs pretas.
Objetivo: levar à consciência que o mal é mau e seus frutos também são maus.
Atividade:
ORAÇÃO COM EXPRESSÃO CORPORAL E DESENHO
1º passo: cada criança deverá ocupar um espaço para movimentar sem tocar nas outras crianças.
2º passo: colocar uma música suave e esperar que todos se acalmem.
3º passo: explicar que será uma oração dialogada onde imitaremos o desenvolvimento de uma semente até ela se tornar uma árvore e partilharemos os sentimentos;
4º passo: contar a história:
            -Era uma vez uma semente que foi colocada na terra (todos se agacham de olhos fechados);
“O que você sente debaixo da terra (está claro ou escuro? A terra é quente ou fria?” (esperar as respostas);
            -E lá dentro da terra a semente sonhava. Dizia: “Eu quero ser a árvore mais linda da floresta”.
“Dentro de você também tem um sonho? O que você quer ser quando crescer?”(espera que respondam);
            -De repente, chega a chuva e molha a terra, e a semente sente que dentro dela há uma vida que quer nascer. Com a água da chuva a semente vai inchando...inchando e de repente sai uma raiz da semente e se afunda na terra e uma folha rompe fora da terra (deixar que as crianças façam os movimentos com os braços imitando a raiz e as folhas);
O que sente a semente quando a raiz penetra na terra? E quando a folha sai da terra? (esperar que respondam);
            -A semente agora é uma plantinha que já consegue ver a luz do sol, ver outras plantas. As formigas parecem gigantes de tão pequenina que a planta é;
“O que sente a plantinha quando vê o sol? E as outras plantinhas? E quando vê as formigas? Por quê? (deixar que respondam);
            -Com o tempo as plantinhas vão se alimentando das riquezas da terra e da água da chuva e ela cresce (as crianças vão levantando).Quando vem o vento forte ela se enverga toda até encostar no chão, ela enverga prá lá...prá cá (as crianças se movimentam sem sair do lugar), mas não cai porque sua raiz a mantém firme na terra.
“O que sente a planta quando o vento a faz balançar? O que ela sente quando sua raiz não a deixa cair? (espera que respondam)
            -Agora ela já é uma grande árvore, o vento não consegue mover seus galhos, ela olha as outras árvores e lá longe vê o por do sol.
“O que sente a árvore podendo ver o por do sol e outras árvores?
            -A árvore está florindo e já, já virão seus primeiros frutos. Os animais ficam ao seu redor, alguns pousam, outros constroem seus ninhos, mas as formiguinhas ela nem consegue enxergar de tão pequeninas que são;
“O que sente a árvore quando os animais querem sua sombra, suas folhas, seus frutos? É bom ser uma árvore? (esperar que respondam);
5º passo: desenha a árvore como ela ficou;
6º passo: partilhar a experiência;
7º passo: pendurar o desenho num painel ou varal para que todos vejam;
Dinâmica:
1-Ler e partilhar a Palavra de Deus;
2-Escolher um galho seco (ou desenhos de uma árvore seca) e escrever na sua raiz “pecado”
3-pregação: (mostrar a árvore seca). O pecador é como uma árvore seca de amor, apesar de estar seca ela dá frutose. Que frutos os pecado pode dar? (esperar que as crianças respondam)
4-pregação: (mostrar a raiz) Jesus ensinou que o mal não é algo que comemos, e sim algo que sai do coração do homem e como uma raiz alimenta toda a árvore.
5-pregação: (mostrar as maçãs pretas). A maçã é a fruta escolhida para representar o pecado, porque sua beleza e seu perfume atraem mesmo ela estando podre por dentro;
6-recortar de revistas em quadrinho ações que ilustram o pecado para colar nas maçãs pretas;
7-escrever em cada maçã o nome do pecado que a gravura apresenta (ex: briga, corrupção, roubo, mentira, egoísmo, rancor, etc..)
8-cada crianças irá mostrar suas maçãs para o grupo, dizendo o nome do pecado e o mal que ele causa;
9-pendura as maçãs na árvore;
Final: refletir: o mundo está cheio de sinais de morte e de vida deixados pelo homem. Que árvore você quer plantar com sua vida?
Jesus é o Cordeiro de Deus que TIRA o pecado do mundo. Jesus veio ao mundo não para podar a árvore do mal (mostrar os pecados), mas arrancar a raiz do pecado (mostrar a raiz) e dar vida nova. Por isto o correto é dizer Jesus tira O PECADO (a raiz) e não OS PECADOS (podar a árvore)

3º TEMA: SALVAÇÃO
(A) DENTRO E FORA
Palavra de Deus: “Tenho ainda outras ovelhas que não são do meu redil; devo conduzi-las também; elas ouvirão a minha voz; haverá um só rebanho e um só pastor” (Jo 10,16)
Idade: acima de 8 anos
Material: aparelho de som e música animada falando de Jesus; giz; vendas olhos; papela e giz de cera para desenhar.
Objetivo: acolher Jesus como Bom Pastor
Dinâmica:
1-Fazer com o giz um círculo no chão bem pequeno, mas que caiba todos os participantes.
2-iniciar a dinâmica com todas as crianças e olhos vendados ou fechados dentro do circulo;
3-dizer: ”Quando a música tocar todos devem dançar, quando a música parar todos viram estatua e quem estiver fora do circulo sairá da recreação”
4-colocar a música, os que ficarem fora do circulo saem e continua a recreação;
Final: Ler a passagem bíblica e partilhar. Aprisco, redil é a cada da ovelha. Jesus veio para que ninguém ficasse de fora e atrair todas as ovelhinhas para dentro do seu aprisco. Quem quer ser ovelhinha de Jesus fique dentro do circulo e vamos orar juntos:
            Jesus, quero ser sua ovelhinha. Sei que você é o Bom Pastor que salva as ovelhinhas perdidas, cura as machucadas e as liberta de todo perigo. Venha ser meu Pastor. Amém”.
Atividade:
ORAÇÃO DO SENHORIO DE JESUS
Copiar a oração acima numa folha e depois ilustrar desenhando você no redil de Jesus. Vamos nos comprometer a fazer esta oração todos os dias durante a semana

(B) MOTO VIVO
Palavra de Deus: Assim como pelo pecado de um só (Adão) resultou a condenação de todos os homens, do mesmo modo, da obra da justiça de um só (Jesus) resultou para todos os homens justificação que traz a vida” (Rm 5,18)
Idade: acima de 5 anos
Material: nenhum
Objetivo: reconhecer a vida em Jesus
Dinâmica:
1-Ler e partilhar a Palavra de Deus;
2- Refletir: “o pecado é um vírus que passa de uma pessoa para outra e traz condenação (Rm 6,23). Ser de Jesus é ter uma vida nova, vida de filho de Deus (Jo 11, 25;
3-o animador irá dizer para a turma: “Vamos brincar de MORTO VIVO? É assim: todos devem agachar quando eu disser MORTO e ficar em pé quando eu disser VIVO. (o animador irá brincar algumas vezes com as crianças, ora alternado ora repetindo o comando)
4- depois que as crianças estiverem familiarizadas com a recreação dizer: “Vamos ver quem entendeu a Palavra de Deus que partilhamos hoje. JESUS (dizer JESUS e esperar que as crianças fiquem em pé, e só depois dizer) PECADO (esperar que todas as crianças se agachem), (repetir algumas vezes JESUS/PECADO).
5-questioná-las: “Por que vocês ficaram em pé quando eu disse JESUS            e se agacharam quando eu disse PECADO? (esperar que as crianças respondam e completar:) “Isso mesmo, Jesus é VIDA e pecado é MORTE, então quando eu disser JESUS vocês ficarão em pé e dirão VIDA, mas quando eu disser PECADO, vocês irão responder MORTE em quanto agacham. Combinado?
6-repetir algumas vezes essa dinâmica.
Atividades:
TEATRO
Ler a história da filha de Jairo (Marcos 5,21-24.35-43) e partilhar o que tem esta história de semelhante com esta dinâmica, depois contá-la através de um teatro.

(C) MAESTRO
Palavra de Deus: “Ao nome de Jesus todo joelho se dobre, no céu, na terra e abaixo da terra” (Fl 2,10-11)
Idade: acima de 6 anos
Material: nenhum
Objetivo: Descobrir que Jesus é o maestro de nossa vida.
Dinâmica:
1-Todos os participantes reunidos em circulo o animador dirá:”Vamos formar uma orquestra e tocar vários instrumentos como um violão (fingir tocar um violão e pedir que todos o imitem), um tambor (todos fingem tocar tambor), um piano (idem), uma sanfona, violino... (cada instrumento  que ao animador disser todos devem fingir que estão tocando).
2-para comandar a nossa orquestra vamos precisar de um Maestro. A recreação é adivinha quem é o Maestro. Vou pedir que um voluntário saia do grupo;
3- (sem que o voluntário veja, escolher um Maestro e combinar com o grupo): Todo instrumento que o Maestro tocar toda a orquestra deverá tocar. Assim que ele trocar de instrumento todos deverão imitá-lo, mas ao mesmo tempo, temos de impedir que o voluntario adivinhe quem é o Maestro evitando dar pistas como olhar diretamente para ele; e o Maestro deverá evitar trocar de instrumento quando o voluntario estiver olhando para ele.
4-(depois chamar o voluntário e dizer): Esta é uma orquestra e você deverá descobrir quem é o Maestro que comanda a orquestra (sem que o voluntarie perceba o maestro irá trocando de instrumento e todos passam a imitá-lo);
5-quando o voluntário descobrir quem é o Maestro, recomeçar a dinâmica escolhendo outro voluntário e outro Maestro.
Final: Ler e partilhar o versículo bíblico. Refletir: “Assim como o Maestro comandava a nossa orquestra e ao seu comando todos os instrumentos eram tocados, Jesus é o Maestro da orquestra de Deus. Se quisermos fazer parte desta orquestra temos que ser instrumentos afinados no amor, na paz, na alegria, no perdão, e tocar o mesmo repertório da orquestra do céu, isto é, buscar as coisas do alto e procura viver como Jesus viveu.

4º TEMA: FÉ E CONVERSÃO
(A) O BASTÃO
Palavra de Deus: “Fé é o fundamento da esperança e uma certeza daquilo que não se vê” (Hb 11,1)
Idade: acima de 7 anos
Material: um bastão, uma venda
Objetivo: precisamos crer para ver
Dinâmica:
1- Ler e partilhar a Palavra de Deus. Refletir: “Fundamento é o que sustenta, o alicerce de uma casa que não a deixa cair. A fé fundamenta a esperança, nos dá a certeza de algo que ainda não vemos”.
2-suspender o bastão e pedir que os participantes o segurem de um lado e de outro, depois dizer: amos ver quem consegue passar debaixo deste bastão sem esbarrar? (Esperar que todos passem, pedir para a altura do bastão e novamente todos serão convidados a passar por baixo sem tocá-lo).
3-depois de abaixar mais ainda o bastão e dizer: ”Fé é acreditar sem ver. Gostaria de um voluntário para passar debaixo do bastão nesta altura sem esbarrar e com os olhos vendados” (escolher um voluntário e colocar a venda).
4-fazer sinal para o grupo silenciar e retirar o bastão e dizer: “vocês acham que ele (a) vai conseguir? Podemos ajudar orientando seus movimentos (nesta hora o voluntário irá tentar passar debaixo do bastão sem saber que ele não está mais aí e todos irão “ajudá-lo” dizendo “vá em frente, mais baixo, cuidado”, até voluntário completar o percurso imaginário)
5-voltar com o bastão para o lugar e tirar a venda do voluntário e dizer: “você conseguiu passar sem esbarrar mesmo o bastão estando assim bem baixo. Você tinha esperança de conseguir? Vocês acham que ele teve fé?”  
Final: estar vendo dispensa a fé e ninguém espera o que não acredita. Para ter fé nem precisa do bastão, basta acreditar que ele está ali. Nenhuma obra evangelizadora acabou porque Deus quis, mais do que os sinais de Deus, mais do que os resultados, deve-se perseverar porque é a vontade de Deus.
Atividade:
CURTA METRAGEM
1º passo: separar os participantes em 4 grupos;
2º passo: orientar: CRER PARA VER é o nome do “Curta Metragem” que iremos produzir. Vamos fazer 4 histórias com o mesmo título, mas para pessoas diferentes:
            Grupo 1: irá escrever a história para seus pais.
           Grupo 2: para seus colegas de sala.
          Grupo 3: para seus professores
         Grupo 4: para crianças
3º passo: cada grupo irá fazer o roteiro, ensaiar para apresentação.
4º passo: a trilha sonora da fita já foi escolhida e cada equipe deverá cantar:
(melodia caranguejo não é peixe)
Fé é o fundamento da esperança;
Fé é uma certeza daquilo que não se vê;
Palma, palma, palma, pé, pé, pé
Roda, roda, roda só espera o que não se vê.
5º passo: apresentação dos grupos
6º passo: partilhar a experiência.

(B) O QUE MUDOU?
Palavra de Deus: “Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouve a minha voz e abre aporta cearei com ele e ele comigo” (Ap 3,20)
Idade: todas as idades
Objetivo: perceber que a fé ou se transforma em atitudes ou nunca foi fé.
Dinâmica:
1-Escolher dois participantes para serem observadoras.
2-Um participante sai da sala e o grupo irá trocar três coisas no participante que ficou (ex. óculos, brincos, tênis, meia, boné, bijuterias, etc.)
3-O participante volta para a sala e tentará descobrir o que foi trocado;
4-O grupo irá dar dicas. Quando forem apontadas as três diferenças escolher outra dupla e reiniciar a dinâmica.
Final: Conversão é transformação, mudar de rumo. A conversão deve ser notada por todos ou não houve transformação. Conversão é ouvir Jesus e abrir a porta do coração para cear com Ele. Cear é partilhar a vida e os sonhos.
Atividade:
ESTÁTUA 
1º passo: ler a Palavra de Deus e partilhar
2º passo: experimentar- “Feche seus olhos e imagine Jesus batendo na sua porta. Como você reagiria? Faça um gesto para expressar este sentimento (ex: ficar de joelhos, ou abraçar Jesus, ou fingir abrir uma porta, ou sorrir indo ao encontro...) e congele este gesto permanecendo com o se fosse uma estátua”.
3º passo: reunir grupos- manter o gesto. Manter o gesto e abri os olhos, ver todas as estátuas e depois de fazer um grupo com aquelas estátuas parecidas com a sua (ou que expressaram o mesmo sentimento)
4º passo: montar uma cena para expressar todos os sentimentos do grupo durante uma ceia com Jesus;
5º passo: apresentar para os outros grupos.
6º passo: partilhar a experiência.

(C) QUEM É O MAIOR?
Palavra de Deus: “Nesta ocasião os discípulos aproximaram-se de Jesus e lhe perguntaram: “Quem é o maior no Reino dos Céus?”” (M t 18, 1-4)
Idade: a partir de 7 anos
Material: uma pista de corrida (feita no chão de terra ou areia ou desenhada em uma grande folha de papel) e 12 tampinhas de garrafas escrita em cada uma o nome de um apostolo. (ver Lc 6,14-15)
DESENHO: fazer uma pista de corrida com largada e chegada, com túnel feito de tubo de papel higiênico, com ponte sobre a água, com curva, etc. e uma criança dando um  peteleco na tampinha.  
Objetivo: ter dom nos faz servos e não maiores.
Dinâmica:
1- Um dia os apóstolos quiseram saber quem era o maior. Vamos descobrir qual apóstolo (mostrar as tampinhas) será o campeão.
2-doze participantes recebem as tampinhas e cada um ficará responsável em levar os apostolo até o final.
3-combinar as regras:
-cada tampinha sairá da linha de largada.
-cada jogador terá direito na sua vez de dar um peteleco na sua tampinha
-se o jogador ou a tampinha tocar na tampinha do outro, volta à linha da largada
- se sua tampinha sair fora da pista, voltar ao lugar onde estava antes da ultima jogada;
-se cair na água ficar duas vezes sem jogar
-se parar dentro do túnel, voltar até a última curva
-vence quem chegar primeiro à linha de chegada.
4-sortear a ordem dos jogadores e dar início ao jogo;
Final: Ler e partilhar a Palavra de Deus. Refletir: ser discípulo de Jesus é servir e não ter cargo; ser discípulo de Jesus é ser irmão e não adversários numa disputa.
            Lembre-se: Jesus ocupou o ultimo lugar de tal modo que ninguém ainda conseguiu tomar-lhe.
Atividade;
QUEM É MAIOR
1º passo: separar os meninos das meninas formando duas equipes. As meninas deverão realçar as personagens bíblicas femininas e os meninos as personagens bíblicas masculinas de forma provocativa: Ex: “Quando o anjo apareceu para proteger Jesus de Herodes foi para um homem: José. Responde a outra equipe: “As mulheres foram as primeiras a saber da ressurreição de Jesus”. E assim por diante. Terminar fazendo a mesma reflexão da dinâmica anterior e concluir: Homens e mulheres são importantes e são chamados a juntos construírem o Reino de Deus.

            5º TEMA: ESPIRITO SANTO
(A) PETECA
Tema: Espírito Santo
Material: Peteca, local em campo de vôlei ou peteca com rede
Objetivo: fazer 20 pontos
REGRAS
Iguais a da peteca
PREGAÇÃO
A peteca tem penas brancas lembrando a pombinha do Espírito Santo. Devemos estar sempre com o Espírito Santo fazendo pontos de santidade. É o Espírito santo que nos leva a seguir as regras do jogo da santidade. Nos ajuda a perdoar, amar e viver para o Reino como Jesus viveu.

(B) DESEMBOCAR O VASO
Palavra de Deus: “Não sabeis que sois templo do Espírito Santo e que o Espírito de Deus habita em vós”? (I Cor 3,16)
Idade: a partir de 7 anos
Material: 1 copo e uma jarra com água, uma caixa de presente com uma pomba dentro, lápis e papel
Dinâmica:
1-Todos os participantes em circulo, mostrar a caixa surpresa e dizer: O que será que tem dentro desta caixa? (passar a caixa de mão em mão para que a movimentem e tentem descobrir)
2-continuar: “quando ganhamos um presente podemos guardá-lo, desembrulhá-lo e não usar, ou usá-lo. Mas este presente é muito importante e todos nós o recebemos no dia do nosso Batismo. O que será?
3-pregação: (desembrulhar o presente e mostrar a pomba): “No nosso Batismo recebemos o Espírito Santo. O Espírito Santo é a terceira Pessoa da Santíssima Trindade. No Evangelho de João Jesus apresenta o Espírito Santo (Jo 14,17), fala porque precisamos Dele (Jo 14, 26; 15,26) e explica qual a missão do Espírito Santo (Jo 16, 8-15. No livro Atos dos Apóstolos Jesus promete o Espírito Santo (At 1,8) e cumpre sua promessa (At 2,1-4)
Final: Refletir: estamos deixando o Espírito Santo agir em nós ou o guardamos como um presente.
Atividade:
DESEMBOCAR
1º passo: Ler e partilhar a Palavra de Deus
2º passo: pregação:assim como Jesus hoje “mora” no sacrário, um dia Jesus morou no seio de Maria seu primeiro sacrário. Olhando para Maria percebemos o Poder de Deus Pai, a ação do Espírito Santo e o próprio Jesus sendo gerado. Assim Maria que cantou o Magnificat “canta” com sua vida a Trindade. Hoje o Espírito Santo é o “doce hospede da alma” de todos os batizados. Ser Templo do Espírito Santo é “cantar” com sua vida a Trindade como Maria.
3º passo: desenhar- Copiar a Palavra de Deus e ilustrar.
4º passo: experiência- Quero encher este copo com água (mostrar um copo de boca para baixo). Será que consigo? E se colocar o copo deste jeito debaixo de uma cachoeira ele enche? O problema está com a água ou com o copo?  O que devo fazer para encher o copo? (desembocar é virar o copo de boca para cima);
5º passo: cantar fazendo gestos:
Desemboca o caso Jesus/ enche de azeite/ enche de azeite/enche de azeite.
Liga, liga, liga prá Jesus agora/ Pede, pede, pede que chegou a hora.
6º passo: efusão- Vamos conversar com o Espírito Santo que recebemos no nosso Batismo, não como alguém que acabou de chegar, mas como um amigo que sempre esteve conosco. Vamos “desembocar” nosso coração (o sentir), nossos pensamentos (o pensar), nossa boca (o falar), nossas mãos (o agir) para que o Espírito Santo possa encher e transformar todo nosso ser.
7º passo: partilhar a experiência

6º TEMA: COMUNIDADE
(A) O BARBANTE
Palavra de Deus: Nós somos muitos e formamos um só corpo em Cristo” (Rm 12,5)
Idade: acima de 9 anos
Material: um rolo de barbante e um quebra cabeça
Objetivo: sentir-se parte do Corpo de Cristo
Dinâmica:
1-Todos os participantes em pé em circulo (no máximo 15)
2- o animador dará inicio à dinâmica. Pega o barbante e diz:
Meu nome é .....e minha missão nesta comunidade é..... (ex: ajudar na organização, na equipe de música, etc.) e você? (Nesta hora ele segura a ponta do barbante e joga o rolo para um participante do grupo)
3-Quem receber o rolo vai dizer seu nome e missão. Segurar o barbante bem estendido e jogar o rolo para outro que fará mesmo.
4-termina quando cada participante estiver segurando uma parte do barbante e o rolo volta para ao animador (orientar para que não soltem o barbante).
5-levar a todos a olhar o desenho que o barbante formou (tentar associar à forma de algum objeto ou analisar se ficou bonito, esquisito, interessante, diferente).
6-pedir para só um participante soltar o barbante o que obrigarás aos outros participantes a se adaptarem para que o barbante continue esticado. Comentar o acontecido. Verificar o novo desenho que o barbante formou e analisar. Outros 2 participantes soltam o barbante e repete todos os passoa anteriores.
7-por fim o animador dirá: Vou contar até três e todos soltarão ao mesmo tempo o barbante.
8-quando todos soltarem, verificar se o desenho formado no chão ficou mais bonito ou mais confuso (com certeza o barbante esticado formava um desenho mais definido)
Final: Todos descrevem o sentimento que tiveram quando alguém soltava o barbante e quando todos soltaram juntos ficando o barbante no chão.
Atividade:
QUEBRA CABEÇA
1º passo: procurar a gravura de uma criança e fazer um quebra cabeça;
2º passo: esconder uma peça do quebra cabeça e repartir as outras entre os aprticipantes;
3º passo: pedir para montarem o quebra cabeça e marcar o tempo;
4º passo: deixar que procurem a peça sem sucesso;
5º passo: Ler e partilhar a Palavra de Deus;
6º passo: entregar a peça que faltava e refletir: Para um bom trabalho em grupo, quais os ensinamentos que podemos tirar da Palavra e das experiências que fizemos?
7º passo: repetir a Palavra de Deus várias vezes até decorar para dizer às pessoas que encontrar.

(B) PIQUE ALTURA
Palavra de Deus: História de Zaqueu (Lc 19, 1-10); “Faz com que a comunidade te ame” (Eclo 4,7)
Idade: acima de 7 anos
Material: latas (ex.de leite em pó) com furos laterais, barbante e papel verde.
Objetivo: despertar o desejo de servir
Dinâmica:
1-em um lugar amplo e seguro indicar onde os participantes poderão subir (ex: árvores, degraus, saliências no chão, etc.) para se livrarem do pegador;
2-escolher o pegador que só pode pegar os que estão no chão, os que subirem nos lugares indicados não serão pegas;
3-quem for pego será o pegador;
4-ler e partilhar a história de Zaqueu;
Final: refletir: A salvação entrou na casa de Zaqueu e pode entrar na nossa comunidade através da fé. (subir em alguns dos lugares indicados na dinâmica).  A fé é como um elevador: transforma o homem de ser carnal (descer) a ser espiritual (subir). Diante dos grandes desafios da vida que é o home sem fé (descer)? Assim a fé em Jesus (subir) quer transformar nossa vida como transformou a vida de Zaqueu. Antes de Jesus (descer) Zaqueu não sabia viver em comunidade, mas depois de Jesus (subir) restituiu tudo o que devia. Hoje o que Jesus pode transformar em nós? E na comunidade?
Atividade:
ANDAR NA LATA
1º passo: ler e partilhar Eclesiástico.
2º passo: pregação: Nossa fé deve nos preparar para a vida. Diante dos desafios, das situações limites (fracassos, perdas, questionamentos, enganos) e fé deve sustentar nossos passos em direção a Jesus, então seremos testemunhas do amor mesmo na dificuldade e no sofrimento.
3º passo: fabricar o brinquedo: Escrever a palavra FÉ na folha ver e enrolar na lata. Passar o barbante pelos furos da lata fazendo uma alça para segurar.
4º passo: grupos de participantes: cada grupo dramatizará uma experiência de superação da fé andando na lata
 5º passo: partilhar a experiência.

(C) PASSAR JESUS
Palavra de Deus: “Ide por todo o mundo, proclamai o Evangelho a toda a criatura” (Marcos 16,16)
Idade: acima de 4 anos
Material: uma medalha de Jesus, papel, caneta hidrocor, tesoura, durex e anéis (feitos de garrafa PET)
Objetivo: entender que somos mensageiros de Deus.
Dinâmica:
1-Todos os participantes assentados em circulo com mãos postas
2-o animador também de mãos postas esconderá a medalha de Jesu8s bem nas pontas de seus dedos e passando entre as mãos de cada um dos participantes deixará a medalha dentro das mãos de um deles.
3-todos continuarão de mãos postas enquanto o animador escolhe no circulo um voluntário para perguntar: “com está Jesus?”
4-o vo9luntário dirá o nome de um dos participantes do circulo que abrirá a mão. Se a medalha não for encontrada o voluntário terá de pagar uma prenda (dançar, pular, etc.). Só depois a dinâmica continuará com a criança que abriu a mão respondendo: “Com quem está Jesus?”
5-quando for encontrada a medalha, recomeçar a dinâmica e quem adivinhou com quem ela estava passará a medalha no lugar do animador.
Final: Ler e partilhar a Palavra de Deus. Refletir: “Todos nós somos chamados a evangelizar. Apresentamos Jesus para as pessoas de varias formas: através da Palavra, da oração, mas principalmente através do nosso testemunho.
Atividade
ANEL
1º passo: distribuir para cada criança um anel, papel e caneta hidrocor.
2º passo: refletir: “Quando o filho pródigo volta para casa, o pai o abraça, manda trazer roupas novas e coloca um anel em seu dedo (Lc 15,22). Aquele anel o identificava como filho da mesma família. Somos da família de Deus. Vamos desenhar alguns sinais que nos identificam (cruz, Eucaristia, Bíblia, Maria, santos, anjos), para que todos saibam que fazemos parte desta família?”
3º passo: Vamos recortar e colar com durex na parte de dentro dos anéis?”
4º passo: usar o anel

OBS. Desenho do anel

3 comentários:

  1. No mundo que se encontra tão sedento do Amor , é necessario que o querigma seja anunciado a todas as pessoas que estiverem ao nosso alcanse! Parabéns pelo Rico material ao alcance de todos!!!
    Abraços
    Margarida (margarida.apc@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  2. Muito legal...um magnifico material querigmatico !!!

    ResponderExcluir